sexta-feira, 23 de novembro de 2012

G P RIBEIRENSE

 
Ribeira de S. João, Rio Maior, domingo 18NOV12, 11H00.
 
A Ribeira de S. João, freguesia do concelho de Rio Maior, povoada por cerca de 1.000 habitantes, caracterizada pelas suas actividades agrícola, pastorícia e de transformação de tomate e possuidora no seu património de uma imponente Torre Mourisca, de construção árabe, datada do séc. XII, acolheu, no âmbito do 25º Torneio de Atletismo das Freguesias do Concelho de Rio Maior, o Grande Prémio Ribeirensese, prova com na distância de 67.000m, organizada pela Associação Fisio-Cultural local.
 
Uma grande afluência de atletas caracterizou este Grande Prémio, talvez por "culpa" da não existência de outras provas nas redondezas, havendo mesmo 3 equipas que se apresentaram com toda a sua armada para a prova principal, corrida numa volta pequena de cerca de 1.250m e uma outra grande de 4.50m.
 
Provas para todos os escalões, desde Benjamins a Veteranos 2, classificaram-se na prova principal 86 atletas, merecendo especial destaque as vitórias de dois marchadores olímpicos, SÉRGIO VIEIRA, do SLBenfica com o tempo de 21'06'' e de INÊS HENRIQUES DO CNRio Maior, com a marca de 25'54''.
No final, a habitual entrega de prémios, a contemplar os seis melhores classificados em cada um dos escalões, acompanhado de um singelo mas agradável saco-lanche oferecido pela colectividade local, num gesto extremamente louvável, pese embora as dificuldades orçamentais de todos sobejamente conhecidas.
 
A minha prova correu dentro do planeado, a cumprir o plano estabelecido para o dia em questão, com a mesma a desenrolar-se num trajecto sinuoso com as habituais subidas e descidas, mesmo  assim foi um teste indicador da evolução.

Em termos de balanço, foi positivo.


RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 6.000 m

TEMPO OFICIAL: 30'42''

CLASS GERAL: 70º

CLASS VET 2: 11º



Encontramo-nos em... Marmeleira.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

2º GP VILA DE MAÇÃO



Mação, domingo 04NOV12, 09H00.


Mação, sede de concelho no distrito de Santarém, com cerca de 2.200 habitantes, concelho todo ele conhecido pela sua riquíssima zona paleontológica e arqueológica, vários Castros e pinturas rupestres da arte paleolítica, viu nesta manha de domingo sair para a estrada o seu 2º Grande Prémio, denominado "Catedral do Presunto", fazendo jus aquele que é um dos factores de desenvolvimento comercial da zona, precisamente todo o processo da feitura do referido artigo gastronómico.
 A prova, com a distância de 8.200m, foi organizada pela Câmara Municipal de Mação e pela Liga regional de Melhoramentos de Ortiga, e decorreu pelas ruas históricas da vila, bem como algumas artérias circundantes à mesma, num circuito fechado de 2 voltas.


Boa afluência de atletas dos vários escalões em competição, pese embora o horário cedo a que se começaram a disputar as várias provas que constituíam o cartaz, e algum frio, que como é normal nesta altura do ano, se faz sentir naquela zona serrana. 


Provas para todos os escalões, desde Benjamins a Veteranos, competiram cerca de duas centenas de atletas nas várias distâncias, merecendo especiais destaques as vitórias masculina de MARCO MARQUES do União de Tomar, que completou a prova em 27'52'' e no sector feminino SUSANA MATOS da CBAbrantes com o tempo de 35'45''.


No final, a habitual entrega de prémios, a contemplar os cinco melhores classificados em cada um dos escalões, e aqui merece nota negativa a questão organizativa da prova, pois pese embora o facto de ser uma organização amadora e uma prova de atletas para atletas, no meu modesto entender nada justifica quer o ENORME atraso na partida e na divulgação das classificações, pois a titulo exemplificativo a prova principal iniciou-se com cerca de meia hora de atraso, porque alguns atletas ainda não tinham chegado a Mação para levantar os dorsais !!! e depois nas classificações, para uma prova que terminou cerca das 10H30, as respectivas classificações só "saíram", já depois do meio dia, originando alguns comentários de desagrado e ainda por cima, na entrega de prémios foram chamados atletas que não se tinham classificado para tal e outros que o tinham feito, não receberam nada, sendo-lhes prometida a entrega à posteriori.
Assim, acho que não.


A minha prova correu como previsto, numa jornada dupla de fim de semana, depois de Asseiceira, a cumprir o plano estabelecido para o dia em questão, com a mesma a desenrolar-se num trajecto sinuoso com as habituais subidas e descidas desta zona do país.
Foi um bom teste indicador da evolução, que marcou o fim de um ciclo de preparação e o inicio de um outro, mais exigente e duro, já com o planeamento e acompanhamento, ainda que não presencial, daquele a que posso chamar o meu novo Treinador, o conhecido e respeitado Carlos Batalha, naquele que esperamos, seja um plano que dê os seus frutos.
Obrigado pela amizade, confiança e pela aposta que fizeste, Carlos.




RESULTADO FINAL OFICIAL


DISTÂNCIA: 8.200 m


TEMPO OFICIAL: 40'26''


CLASS GERAL: 73º


CLASS VET M50: 11º



Encontramo-nos em... Lisboa.

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

14ª VOLTA À ASSEICEIRA

 
Asseiceira, Rio Maior, sábado 03NOV12, 16H00.
 
Asseiceira, freguesia do concelho de Rio Maior, povoada por cerca de 1.000 habitantes, conhecida pelo seu santuário de aparições marianas e atravessada pela Estrada Nacional 1, estrada e freguesia onde perdeu a vida, em Agosto de 1988, o saudoso cantor Carlos Paião,  foi o local escolhido para, no seguimento do 25º Torneio de Atletismo das Freguesias do Concelho de Rio Maior, se correr a 14ª edição da Volta à Freguesia, prova com a distância de 7.000m, organizada pela Junta de Freguesia local, e que a partir desta edição, homenageia um filho da terra, atribuindo ao vencedor absoluto o Troféu Jorge Ribeiro.
 
Boa afluência quer de atletas quer de familiares e amigos, o que sempre empresta um colorido diferente à pacata vida destas gentes da terra, que se dedicam essencialmente à industria e pecuária e que sempre nos recebem com simpatia que os torna tão genuínos e tornaram aquela, uma tarde de festa.
 
Prova com todos os escalões, desde Benjamins a Veteranos 2, ainda assim competiram cerca de centena e meia de atletas nas várias distâncias, merecendo especial destaque OSWALD FREITAS do CNRio Maior, que completou a prova como vencedor absoluto em 22'37''.

No final, a habitual entrega de prémios, a contemplar os seis melhores classificados em cada um dos escalões, acompanhado de um singelo mas agradável saco-lanche oferecido pela Junta local, num gesto extremamente louvável, pese embora as dificuldades orçamentais de todos sobejamente conhecidas.
 
A minha prova correu dentro do planeado, a cumprir o plano estabelecido para o dia em questão, com a mesma a desenrolar-se num trajecto sinuoso com as habituais subidas e descidas, longas, caracteristicas desta zona do país, mas mesmo assim foi um bom teste indicador da evolução, mesmo com a terrível subida e igual descida para finalizar a prova.
Em termos de balanço, foi positivo, com uma marca agradável, num bom ritmo de prova e que no final deu para ser chamado ao pódio para receber o prémio correspondente.


RESULTADO FINAL OFICIAL
 
DISTÂNCIA: 7.000 m
 
TEMPO OFICIAL: 33'01''
 
CLASS GERAL: 58º
 
CLASS VET 2: 6º

Encontramo-nos em... Mação.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

2ª LÉGUA DE CORREIAS



Correias, Rio Maior, sábado 27OUT12, 16H00.
 
Correias, singela aldeia com cerca de 300 habitantes no concelho de Rio Maior, foi o palco escolhido para se dar início ao 25º Torneio de Atletismo das Freguesias do Concelho de Rio Maior, na 2ª edição da Légua de Correias, prova com a distância de 5.000m, organizada pela Junta de Freguesia de Outeiro da Cortiçada e pelo CCRC de Correias.
 
Cedo se começou a constatar o bom convívio que se iria gerar, pois a afluência quer de atletas quer de familiares e amigos foi bastante generosa, dando um colorido diferente à pacata vida destas gentes da terra, que nos receberam com simpatia e, assim tornou aquela uma tarde de festa.
 
Prova com todos os escalões, desde Benjamins a Veteranos 2, ainda assim competiram cerca de duas centenas de atletas nas várias distâncias, merecendo especial destaque OSWALD FREITAS do CNRio Maior, que completou a légua em 15'59''.
No final, a habitual entrega de prémios, a contemplar os seis melhores classificados em cada um dos escalões, acompanhado de um agradável lanche convívio ofertado pela colectividade local, num gesto extremamente bonito, e tudo isto a custo zero.
 
A minha prova correu dentro do esperado, a cumprir o plano estabelecido para o dia em questão, pese embora o facto da mesma se desenrolar num circuito com três voltas de 1.700m cada, em que a primeira metade era a subir e a segunda a descer !!!, mas mesmo assim foi um bom teste indicador da evolução, pois neste traçado, as coisas não foram tão fáceis como pareciam.
Mesmo assim, em termos de balanço, foi positivo, com uma marca agradável, num bom ritmo de prova e que no final deu para ser chamado ao pódio para receber o prémio correspondente.
 
 
RESULTADO FINAL OFICIAL
 
 
DISTÂNCIA: 5.000 m
 
 
TEMPO OFICIAL: 23'24''
 
 
CLASS GERAL: 53º
 
 
CLASS VET 2: 5º
 
 
 
Encontramo-nos em... Rio Maior.
 

terça-feira, 16 de outubro de 2012

2ª CORRIDA DO SPORTING


Lisboa, domingo, 14 de Outubro de 2012, 10H30.
 
Na hora marcada, no estádio José de Alvalade, a casa dos Leões, é dada a partida da Corrida do Sporting 2012, na sua 2ª edição, com um significativo aumento de participantes, o que atesta o êxito que foi a aposta ganha pela direcção de Alvalade em pôr de pé uma iniciativa como esta.
 
Logo de manhã cedo, começaram a rumar ao estádio, milhares de pessoas com o intuito de participarem na festa da Corrida, festa esta que se iniciou com a Corrida do Jubas, destinada aos escalões jovens de formação, que sozinhos ou acompanhados pelos pais e familiares percorreram as diferentes distâncias, todos eles com um dorsal que ostentavam orgulhosamente com o número 1, para terminarem todos eles em pleno relvado do Estádio José de Alvalade, num misto de orgulho e "dever"cumprido. E se vi caras sorridentes!!!
 
Na prova principal, cedo se começaram a perfilar os participantes aos 10Km, atletas do Clube Leonino , individuais e também muitos de outros clubes, num são convívio, sem clubismos, sem fanatismos, sem parvoíces desmedidas, quer de palavras quer de actos, todos eles embuidos pelo espírito atlético, partida dividida, e bem, por escalões de tempo de prova (mas mesmo assim há sempre os eternos batoteiros), naquela que percorreu algumas das mais importantes artérias de Lisboa, com passagem no Saldanha e retorno a meio caminho do Marquês, para fazer o regresso paralelo à ida, e chegada triunfal em pleno Estádio José de Alvalade, cujo acesso se deu pela Porta da Maratona.
Terminaram esta prova 4.181 atletas, número bastante superior ao ano passado, tendo triunfado individualmente, RUI SILVA do SCPortugal com o tempo de 30'03'' e CATARINA RIBEIRO, também ela do SCPortugal, com a marca de 34'11'', numa prova em que tivemos a presença, e que bem que soube, de alguma chuva ainda que fraca, a dizer-nos que chegou outra época, e como diz o ditado: "corrida molhada, corrida abençoada".
 
Quanto a mim, a prova correu bem, ou não fosse a prova do meu clube de eleição, em que estava calendarizado um treino de 13Km, que o cumpri, englobando nele a Corrida do Sporting, prova que fiz à vontade, embora toda ela tenha sempre um desnível constante, dando por vezes a ideia de falsos planos, mas mesmo assim cumpri o objectivo traçado, sem apertar, tendo a noção que durante alguns trechos da mesma poderia ter esticado um pouco mais e assim ter reduzido o tempo final, mas não era esse o verdadeiro objectivo.
Esse foi cumprido, fazer o estipulado no plano, terminar a prova bem, sem grande cansaço e sempre abaixo da casa do 50', o que aconteceu em pleno.
Quanto a melhores marcas, estou a trabalhar para isso, o tempo o dirá, pois com ESFORÇO, DEDICAÇÃO e DEVOÇÃO, alcançarei a minha GLÓRIA.
 
RESULTADO FINAL OFICIAL
 
 
DISTÂNCIA: 10.000 m
 
 
TEMPO OFICIAL: 48'39''
 
 
CLASS GERAL: 1046º
 
 
CLASS VET 4: 104º
 
 
 
Encontramo-nos em... Rio Maior.

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

2ª CORRIDA DA ÁGUA


Lisboa, domingo 07Out12, 10H00.

Em pleno Parque Florestal de Monsanto, pulmão verde da cidade de Lisboa, aconteceu aquela que tem todas as condições (em meu entender) para se vir a tornar uma das clássicas de estrada de Lisboa, a Corrida da Água, na sua 2ª edição, num ambiente verdadeiramente de festa desportiva que começou numa manhã enevoada em pleno parque natural, até parecia que estavamos em Sintra, com partida na estrada da Serafina e chegada em pleno Parque do Calhau, em terra batida, no meio de um verdejante pinhal, paisagem esta que nos enche o olhar assim que saimos do ex-libris da prova, a passagem no Aqueduto das Águas Livres.
 
Prova na extensão de 10.000 m, com uma subida incial algo extensa, para depois se percorrer uma descida continua e bastante longa, ao longo da ciclovia de Benfica, para logo de seguida se atacar a parte mais dura do percurso, a subida de campolide que nos leva à entrada no Aqueduto, onde aqui se depara um verdadeiro dilema: ver a paisagem ou correr?
 
O vencedor desta edição foi VIRGILIO GOMES, um veterano do CR Leões de Porto Salvo com o tempo de 33'07'', enquanto que no sector femenino a vitória sorriu a CHANTAL XHERVELLE, do AM Casal Figueiras, também ela uma veterana, com a marca de 39'36'', numa prova onde se classificaram 832 atletas.
 
A minha prova correu bastante bem, coisa a que me venho habituando aos poucos, parti bem, cuidadoso pois havia a subida inicial (e quem me conhece sabe como eu adoro subidas!!!), mas nem me senti cansado, apanhei a descida que fiz bem, sempre a um ritmo constante e fácil, e nem na subida final, em Campolide, me "desencontrei", fi-la sempre a correr, a um ritmo que depois até nem achei possivel de o ter feito, e quando entrei no Aqueduto, também aproveitei um pouquinho para ver a paisagem única.
Em jeito de conclusão, foi uma prova que gostei de fazer, acho que fiquei "fan", corri a um ritmo confortável e constante, sentido que notoriamente a forma está a começar a aparecer, ao fim de tanto tempo ausente.Vamos a ver o futuro.
 
 
RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 10.000 m

TEMPO OFICIAL: 49'04''

CLASS GERAL: 336º

CLASS M50: 39º


Encontramo-nos em... Lisboa.

terça-feira, 2 de outubro de 2012

13ª MEIA MARATONA DE PORTUGAL


Lisboa, domingo 30Set12, 10H30.
 
Em pleno tabuleiro da Ponte Vasco da Gama, cerca de 20.000 pessoas, segundo dados da organização, preparam-se para participar naquela que foi uma enorme manifestação desportiva, quer seja para competir ou apenas pelo gozo de, numa manhã domingueira, passar a Ponte a pé, apenas como forma salutar de passar uma bonita manhã de sol.
 
Com uma organização bem estruturada, bem planeada e conseguida, esta edição que pela primeira vez se aliou ao conceito de corrida e música (Rock'n Roll Series), foi um estrondoso sucesso, quer pelo numero de participantes quer pela enorme máquina logística utilizada, passando pelos abastecimentos, sacos, medalha, gelado, cerveja, e, que teve como ponto alto o concerto (gratuito) dos Xutos.
 
Apenas um reparo a nivel pessoal.
Numa cidade como Lisboa, num evento com esta dimensão, nós portugueses, ainda não conseguimos adquirir o hábito de sair para a rua e participar nestas iniciativas, pois, excluindo o caso do Parque das Nações, onde se concentravam mais pessoas, a maior parte delas familiares/amigos dos atletas e os próprios participantes nas outras provas, raras foram as ocasiões em que se ouviram aplausos, palavras de ânimo ou até de uma simples presença humana, apenas espanhois e britanicos se ouviram nas ruas (mas esses não são portugueses e têm outra cultura). Foi apenas um desabafo!
 
A Meia Maratona de Portugal teve como vencedores absloutos, no sector masculino o queniano MARTIN LEL com o tempo de 01H01'28'', enquanto que em senhoras, a vitória sorriu a PRISCAH JEPTOO, também ela uma queniana com a marca de 01H10'32'', numa prova em que terminaram 4894 atletas.
 
Quanto à minha prova, correu dentro do que eu previra, pois a intenção era fazer um treino longo acompanhado, e uma vez que não estou a fazer treinos para esta distância, estava com algum receio da "parede" dos 16km, facto que não se veio a verificar.
Parti bem, folgado e descontraído, solto, sempre acompanhado pelos amigos Hélio e Vitor, seguimos juntos até cerca dos 10km, sempre em ritmo constante e porque não dize-lo, fácil, fiz todo o percurso a partir dos 10km "sózinho", o que me permitiu impor um andamento um pouco mais rápido, e apenas senti algum cansaço a partir dos km 17, 18, o que considero muito bom.
No final, senti-me bem, contente, com o sentimento de objectivo cumprido e bem, ao ver o relógio marcar 1H55'55'' e ter conseguido classificar-me na primeira metade da classificação e numa boa posição no escalão,  dei esta prova/treino como bem conseguida.
 
 
RESULTADO FINAL OFICIAL

 
DISTÂNCIA: 21.097 m

TEMPO OFICIAL: 1H55'55''

CLASS GERAL: 2058º

CLASS M50: 161º

 

Encontramo-nos em... Lisboa.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

5ª CORRIDA DA LINHA DESTAK

Carcavelos, domingo 23Set12, 10H00.
 
É dado o tiro de partida para a 5ª edição da Corrida da Linha Destak, prova na extensão de 10 Km, que liga Carcavelos a Cascais, decorrida inteiramente na marginal, para terminar na bela baía de Cascais.
 
Prova com uma boa organização, tanto à partida (sem confusões), bem como à chegada, em local bonito, amplo, a permitir um bom escoamento com entrega dos sacos de chegada e brindes por parte dos patrocinadores, havendo ainda a possibilidade de, gratuitamente, se poder viajar nos comboios da linha durante toda a manhã.
 
Numa manhã com excelentes condições para a prática desportiva, embora durante a noite tenha chovido com alguma intensidade, acorreram ao chamamento 2941 atletas classificados, menos que na edição anterior, talvez fruto da referida noite de chuva, havendo a somar a estes todos aqueles (muitos) que participaram na caminhada de cerca de 3 km, levando de certeza a um sentimento de arrependimento de quem, a guizo de uma possivel chuvada, não participou desta edição de uma corrida com um percurso deslumbrante.
Em termos competitivos, a Corrida teve como vencedores absolutos ARTUR SANTIAGO do NúcleOeiras com o tempo de 32'45'' e no sector feminino a vencedora foi ANABELA GOMES, do Joaninhas de Leião com 38'23''.
 
Quanto a mim, a prova decorreu melhor do que inicialmente estava previsto, pois a ideia era fazer um treino acompanhado, embora mais rápido, sem grandes objectivos nesta altura do ano, tendo para objectivo terminar a mesma dentro do minuto 55, o que seria aconselhável nesta fase de preparação.
Quer seja por "culpa" da excelente manhã, em termos climatéricos, pela companhia do Vitor, por me sentir bem tanto fisica como psicologicamente, o certo é que embalei num ritmo em que sempre me senti bem, sem cansaço, sem fantasmas e embora o percurso tivesse 2 boas subidas, especialmente a do Km7, e ali tenha quebrado um pouco, terminei esta Corrida abaixo do minuto 50, o que foi excelente, que me deixou bastante contente e com uma moral em alta para o que se segue em termos de corridas da referida distância, aposta pessoal para este ano desportivo.
 
 
 
 
RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 10.000 m

TEMPO OFICIAL: 49'41''

CLASS GERAL: 912º
 
CLASS VET IV: 90º


Encontramo-nos em... Lisboa.

domingo, 26 de agosto de 2012

6º GP CARREIRA DO MATO


Carreira do Mato, sábado, 25 de Agosto, 18H00.
 
Integrada nas festas que anualmente se realizam em Carreira do Mato, no último fim de semana de Agosto, decorreu nesta pequena aldeia da freguesia de Aldeia do Mato, localizada no concelho de Abrantes, local ribeirinho da barragem de Castelo do Bode, a 6ª edição da Corrida da Festa, prova que apesar da crise e fruto da carolice da alguns amantes da modalidade, se vai realizando, servindo como mais um pólo de atracção para as gentes desta aldeia que tão bem sabe receber quem ali se desloca.
 
A prova em si não tem grande história, pois o número de participantes também a isso não ajuda, no entanto quem ali se desloca anualmente, por certo não dará o tempo por mal empregue, merecendo contudo que mais atletas marcassem presença.
Esta corrida foi dominada pela equipa da CBAbrantes, que venceu tanto em masculinos, OCTÁVIO VICENTE, quer em femininos, RAQUEL LALLANDA, que consistia num percurso urbano com duas voltas a totalizar a distância de 4.400 m.

Quanto à minha corrida, não a encarei como uma prova, mas antes sim como um treino acompanhado e um pouco mais rápido e curto que o habitual, mas nesta altura do ano, em ínicio de época, foi interessante ver como me comportava em esforço. Senti-me bem.


RESULTADO FINAL OFICIAL

 
DISTÂNCIA: 4.400 m

TEMPO OFICIAL: 21'52''

CLASS GERAL: 17º


Encontramo-nos em... Amora.

terça-feira, 7 de agosto de 2012

23ª CORRIDA DA BAÍA DE LAGOS


Lagos, domingo, 05 de Agosto, 10H00.

Nesta época estival de 2012, decorreu uma prova de 3.000m, em pleno areal da Praia de S. Roque, vulgarmente conhecida como "Meia Praia", numa altura de baixa mar, o que permitiu a algumas dezenas de atletas de várias idades, logo de vários escalões, participarem na prova que em termos de calendário federativo marcou o final do 11º Circuito de Lagos em Atletismo e da presente época desportiva, naquela que foi uma verdadeira festa atlética, pois se para uns foi o final de época, para outros marcou o ínicio de um novo ciclo e da sua preparação para os novos desafios que se avizinham.

Organizada pela C.M. de Lagos, com o apoio técnico da A.A.Algarve, esta jornada reuniu um total de 216 participantes, tendo na prova principal saído vencedor IGOR TIMBALARI do CA São João com o tempo de 10'36'' e no sector feminino VERA FERNANDES da AA Belavista com 12'24''.

Quanto ao meu desempenho, esta prova marcou o final de uma época com alguns altos e baixos, normais para quem pratica este desporto, e o pré-ínicio de uma nova época, de novos desafios, para que sejam conquistados novos objectivos pessoais, pois é disso que se trata, pois apenas compito contra mim próprio e contra o relógio e não contra qualquer outra pessoa com que me possa cruzar numa linha de partida de uma qualquer prova.
Assim, concluí esta corrida na areia, na distância de 3.000m com a marca oficial de 15'04'', o que para final de temporada, em Agosto, na areia, nem considero má, antes pelo contrário, um bom presságio para os desafios que se afiguram.

RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 3.000 m

TEMPO OFICIAL: 15'04''

CLASS GERAL: 72º

CLASS VET M50: 6º


Encontramo-nos em...  Seixal.

domingo, 29 de julho de 2012

30ª PROVA DO BODO


Pombal, sábado, 28 de Julho, 19H00.

Integrada nas Festas do Bodo que anualmente se realizam na cidade de Pombal, decorreu a 30ª edição da Prova do Bodo, constituída por uma prova de 10 km, uma Mini-corrida de 3km e uma caminhada também na mesma distância, conjunto de provas este que atraiu a esta localidade milhares de pessoas, tanto para participarem como para assistirem.
Prova bem organizada, traçada num circuito urbano com 3 voltas em subida/descida, mas mesmo assim agradável, sombras, chuveiros ao longo do percurso e um saco com abastecimento final de bebidas fresquinhas, facto bastante louvável e merecedor de muitos elogios, coisas "pequenas" que fazem com que fique a vontade de voltar em 2013.

Corrida que reuniu bons e sonantes nomes do panorama atlético português, pois a grelha de prémios monetários a isso convidou, foi ganha pelo atleta brasileiro LUIS PAULA do BrasilMizuno, com a excelente marca de 29'56'', num  ritmo final que não deu qualquer hipótese aos seus adversários, enquanto que no lado feminino a vencedora foi LEONOR CARNEIRO do Maratona CP com o tempo de 33'36'', numa prova em que dominou do principio ao fim, sem qualquer concorrente à altura.

Realizei esta prova no cumprimento de um plano, para o qual tinha sido traçado como objectivo terminar bem, sem grande esforço e com um tempo na casa dos 50', o que seria indicado, mas o circuito de 3 voltas em sobe/desce não deixou que tal acontecesse e assim fiz mais 2'56'' que o previsto, mas de qualquer forma foi positivo, se comparado com outras marcas realizadas.


RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 10.000 m

TEMPO OFICIAL: 52'56''

CLASS GERAL: 341º

CLASS VET III: 40º



Encontramo-nos em... Lagos.

domingo, 22 de julho de 2012

2º GP BENÇÃO DO GADO


Riachos, sábado, 21 de Julho, 19H00.

Inserido nas Festas da Benção do Gado 2012, que se realiza de quatro em quatro anos na vila ribatejana de Riachos, Torres Novas, decorreu o 2º GP de Atletismo da Benção do Gado, na distância de 7.000m, percorridos num circuito de duas voltas nas engalanadas ruas desta agricola vila, onde se verificou uma agradável moldura humana, quer de atletas quer de acompanhantes e, mesmo de residentes, que pese embora o calor que aquela hora se fazia sentir, aplaudiam e incentivavam os atletas em pleno esforço.

Esta prova teve como vencedor CARLOS ALVES, a representar as cores do FCR Rossão, com a marca de 23'07'' enquanto que no sector feminino sagrou-se vencedora PATRICIA FERREIRA da UDR Zona Alta com o tempo de 30'39'', numa corrida em que terminaram 160 atletas.

Eu fiz uma prova à minha medida, pois ainda estou numa fase de busca de algo, tendo feito a primeira volta mais devagar, pois estava bastante calor para a hora e sabendo que ainda faltava mais uma volta, tendo na segunda imprimido mais alguma velocidade, para terminar bem, com algum àvontade, sem grande esforço final, considerando o tempo realizado como um bom registo.


RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 7.000 m

TEMPO OFICIAL: 34'55''

CLASS GERAL: 104º

CLASS VET IV: 12º



Encontramo-nos em... Pombal.

segunda-feira, 16 de julho de 2012

1º MEMORIAL FRANCISCO LÁZARO


Lisboa, domingo, 15 de Julho, 10H00.

Junto ao campo do Clube de Futebol Benfica, carinhosamente conhecido como Fó-Fó, em plena zona de Benfica, aconteceu uma bonita corrida de homenagem ao malogrado Francisco Lázaro, maratonista português ali residente e onde habitualmente treinava, tragicamente falecido em plena maratona olímpica, em Estocolmo, precisamente no dia 15 de Julho do distante ano de 1912, vitima de insolação; por tal facto agora se realizar a mais que merecida homenagem, que apenas pecou por fraca afluência quer de público quer de atletas, apesar de bem divulgada.

Uma prova bem organizada, por uma empresa a que a isso já nos habituou, com inicio junto ao Campo e chegada no seu interior, em pleno relvado, a percorrer algumas artérias da zona lisboeta e a ser pautada por constante sobe/desce (a mim pareceu-me mais sobe!!!), especialmente em toda a ciclovia de Benfica com algum desnível positivo e bastante longa, antes de descer para a zona de meta, e onde já se começou a fazer sentir algum do calor do Verão.

A distância de 10.000 m, concluída por 371 atletas, teve como vencedor masculino FÁBIO OLIVEIRA da Odimarq Alumínios com a marca de 33'32'' enquanto que no sector feminino, a vencedora foi LUCÍLIA SOARES do SLBenfica com 40'49''.

Quanto à minha prestação, está dentro do esperado para esta altura e fase de treino, embora reconheça que se não fosse aquela última subida, teria baixado significativamente o tempo e aí sim, tenho consciência que teria alcançado uma marca mais satisfatória. Resultado positivo.



RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 10.000 m
TEMPO OFICIAL: 50'42''
CLASS GERAL: 197º
CLASS VET IV: 18º

Encontramo-nos em... Riachos.

domingo, 15 de julho de 2012

1 ANO DE BLOG


Através do Correr, Amor Antigo consegui conduzir alguns dos meus pensamentos, das minhas energias, sentimentos, tudo o que era confuso ou bem claro foi traduzido em palavras.
Descobri-me enquanto Corredor, enquanto Homem, que não sabe das técnicas de escrita de estórias, mas tem o coração cheio de emoções.
Aprendi o valor de uma palavra. Aprendi que as palavras, quando bem ditas, despertam inúmeras sensações, tanto em quem lê como em quem as escreve.
Descobri que não me importa quantos me lêem, vi que fico feliz se aquele único que lê sentir-se bem, em paz ou de algum modo se idendificar naquilo que eu escrevi.
Escrever, amigos, é um dom, é um afago na alma, é doar aquilo que é seu ao outro que o lê.

Que os meus caminhos de Correr não se percam dos caminhos do Amor Antigo. É nele que encontro inspiração e dele falarei até morrer.

segunda-feira, 9 de julho de 2012

3º TRAIL DO ALMONDA


Vale da Serra, Torres Novas, domingo, 08 de Julho, 09H00.
Manhã escolhida para me deslocar à localidade de Vale da Serra, Freguesia de Pedrogão, no concelho de Torres Novas, para participar no Trail do Almonda.

Vários (muitos) anos e alguns quilos depois, voltei a enfrentar, tenho que o confessar, com um misto de receio e expectativa, uma prova de Corrida em Montanha, ou se quisermos, como agora se diz, um Trail.
Após ter participado em bastantes provas deste tipo, numa outra vida desportiva, dei agora um dos passos que me faltava dar (nesta segunda vida) na caminhada para que consiga realizar em termos de participação desportiva, o meu alter ego.

Assim, participei no 3º Trail do Almonda, na vertente de Mini Trail, prova na distância de 12.000 m, todos eles percorridos em trilhos sinalizados, de pé posto, num percurso em que a serra nos ofereceu paisagens admiráveis que não estão à vista de quem passa de carro pela estrada, permitindo ter um contacto muito mais puro e aprazível com a natureza "mais intocada".
Nesta prova, que em todos os aspectos teve uma organização e logística exemplares, tanto a nível de abastecimentos em que nada faltou, até à constante presença de elementos dos Bombeiros e equipas de primeiros socorros (incansáveis), apenas dois reparos e um grande agradecimento.

Os reparos, construtivos, para o afunilamento verificado logo aos 2km de prova, com a descida íngreme e sem qualquer alternativa que não a passagem (dificil) de um a um, algo que poderia ser atenuado se a passagem fosse feita após mais uns quilometros decorridos; e, para alguns cruzamentos, em especial já na parte terminal que poderiam estar melhor sinalizados, talvez com umas placas sinalizadoras, que por se verificarem numa descida em terreno "bom", a tendência é para acelerar e não fica muito visivel a fita plástica numa manhã ventosa.

O agradecimento, reconhecido e sincero, para o grande Amigo e Campeão, o atleta de estrada JOÃO MARQUES, que se encontrando a treinar nos trilhos, "me foi buscar" uns quilómetros fora do percurso, pois devido à má sinalização num dos cruzamentos, enganei-me. O JOÃO fez o favor de vir atrás de mim uns dois km, para me trazer de retorno outros tantos, até ao ponto correcto do trilho, pois senão tinha ido parar a Torres Novas!!!. JOÃO, MUITO OBRIGADO!

Nesta prova, que para mim foi um prazer enorme ter voltado aos "carreiros" e que me deixou a pensar se futuramente não hei-de voltar aos trilhos, classificaram-se 83 atletas, tendo eu ocupado a 40ª posição da geral, o que me valeu ter ficado em 2º lugar do escalão.


RESULTADO FINAL OFICIAL

DISTÂNCIA: 12.000 (TRAIL)
TEMPO OFICIAL: 1H39'42''
CLASS GERAL: 40º
CLASS VET M50: 2º

Encontramo-nos em... Lisboa.

domingo, 1 de julho de 2012

33ª CORRIDA DAS FOGUEIRAS


Peniche, sábado, 30 de Junho, 21H30.
Noite nacional de romaria a Peniche para participar na carismática corrida nocturna das Fogueiras, naquela bonita localidade piscatória.

Foi mais uma noite de festa para a bonita cidade e para os vários milhares de atletas e acompanhantes que ali se deslocaram para participar na 33ª edição desta nocturna, na distância de 15 km ou, nas Fogueirinhas, uma corrida de 6 km.
Esta é sem dúvida uma das melhores e mais participadas provas de estrada realizadas em Portugal, acrescendo o facto de se realizar de noite, e, como o próprio nome indica, grande parte do seu percurso ser iluminado por fogueiras acesas e mantidas pelos populares, que saem para a rua para eles próprios fazerem a sua festa e apludirem e incentivarem todos os atletas, do primeiro ao último, na afirmação de que todos merecem respeito e reconhecimento pelo esforço realizado, o que não é hábito em terras de Portugal.

A prova foi ganha por BRUNO FRAGA, GFDesporto com o tempo de 48'27'' e por MADALENA CARRIÇO do CSMaritimo com a marca de 56'17'', numa competição onde se classificaram 2226 atletas, verificando-se um significativo aumento em relação aos anos anteriores, sinal que a Corrida está viva.

Quanto à minha prova, correu dentro das condicionantes habituais, acrescendo o facto de em virtude do local de partida já se tornar exiguo para tantos, só ser possivel começar a correr algum tempo depois do tiro de partida, mas mesmo assim realizei uma prova agradável a partir do km 4, e depois foi com alguma ligeireza que fiz os kilometros restantes, tendo corrido sem cansaço, de forma descontraida e melhorando o tempo ali efectuado em 2011, portanto... tudo está bem quando acaba bem.

RESULTADO FINAL OFICIAL
DISTÂNCIA: 15.000
TEMPO OFICIAL: 1H20'37''
CLASS GERAL: 1408º
CLASS VET M50: 157º

 
Encontramo-nos em... Torres Novas.

domingo, 24 de junho de 2012

1ª CORRIDA VOLKSWAGEN


Hoje, 24Jun12, desloquei-me até Palmela para participar numa das provas melhor organizadas em que já tive o prazer de participar até hoje, a 1º Corrida Volkswagen, uma prova organizada e realizada pela Volkswagen AutoEuropa, com as distâncias de 10 km e de 4,5km, com a particularidade dos 3 últimos quilometros de prova serem realizados no interior da fábrica, ou seja, em plena linha de montagem da maior fábrica de automóveis deste País.

Bastasse este facto e a prova em questão já teria sido só por si um sucesso.
Some-se a isso, uma organização impecável, bom trato, desde os próprios seguranças que mesmo em grande número nem se deu por eles, a boa educação presente, a fábrica em dia aberto à comunidade, abastecimentos em quantidade, tanto a meio como no final, uma verdadeira montra de expositores, de produtos, de parceiros e, para acabar em beleza, uma medalha construída com dois materiais, metal e cortiça.
Em jeito de avaliação: ESPECTACULAR!!!
Esta é daquelas que mereceu "Nota 15", logo, a repetir.

A prova de 10km, a prova principal, foi ganha por BRUNO FRAGA, do GFDesporto, com o tempo de 31'51'' e por ANA MACHADO do GOOeiras, com a marca de 39'57'', numa prova onde se classificaram 1219 atletas.

A minha prova aconteceu dentro do previsto, no tempo que tinha disponibilizado para a mesma, ou seja dentro do objectivo traçado para esta fase de treino e para esta altura do ano.
Não foi mau de todo.
Balanço positivo!

RESULTADO FINAL OFICIAL
DISTÂNCIA: 10.000
TEMPO OFICIAL: 49'47''
CLASS GERAL: 458º
CLASS VET III: 50º

Encontramo-nos em... Peniche.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

6ª BRISAS DO ATLÂNTICO


10 de Junho, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades, foi a data escolhida para me deslocar até à bonita localidade de Almograve, no concelho de Odemira, para participar numa prova em tudo diferente das até agora participadas, que ligou a Almograve a Zambujeira do Mar, onde estava instalada a meta para esta prova multidisciplinar que integrava várias competições, como sejam Cicloturismo, Caminhada, BTT, Kayak de mar, Atletismo, acompanhadas por Moto4 e Zundapp's, naquele que reuniu seguramente largas centenas de pessoas que de uma forma muito particular se dedicaram a praticar desporto nesta manhã de domingo feriado, para no final se deliciarem com uma belíssima sardinhada oferecida pela organização, onde além de muita comida e bebida não faltou o convívio.

A prova de Atletismo, que englobava também uma competição de estafeta mista, e provas para todos os atletas portadores de todos os tipos de deficiência física, teve a distância de 20.000m, ligando as duas localidades acima referidas, foi ganha por LUÍS FEITEIRA, Individual, no tempo de 1h01'17'' e no sector feminino a vencedora foi ANABELA TAVARES do CDR Águias Unidas, com a marca de 1h16'49''.

Participei, terminei esta prova de 20 km, num percurso que nem era difícil em termos de relevo, ou não estivesse mos no Baixo Alentejo, mas que se tornava monótona pelas longuíssimas rectas que tive que palmilhar nesta jornada desportiva, em que dando a sensação que estamos perto de quem vai à nossa frente, a realidade é que vamos bastante distantes.
Gastei 1h50'51'' para chegar a Zambujeira do Mar, num tempo que não foi bom nem foi mau, foi antes o encerrar de um ciclo de preparação (inicial) para começar um outro que de certeza vai ser mais duro e mais exigente, tanto a nível físico como acima de tudo a nível emocional, naquele que espero seja o virar definitivo de uma página do livro.

RESULTADO FINAL OFICIAL
DISTÂNCIA: 20.000
TEMPO OFICIAL: 1H50'51''
CLASS GERAL: 99º
CLASS VET III: 11º

Encontramo-nos em... Palmela.

domingo, 3 de junho de 2012

35º G.P. STO ANTÓNIO / CAMP REG ESTRADA



Ontem, sábado, 02Jun2012, na zona alta de Torres Novas, disputou-se o 35º GP de Stº António em Atletismo, prova na distância de 9.000m, organizada pela UDR Zona Alta, que fez disputar em simultâneo o Campeonato Regional de Estrada da AASantarém.

Foi uma prova com um significativo número de atletas presentes, pois no GP havia provas para os vários escalões, de Benjamins a Juvenis, enquanto que no Regional, as provas eram para Juniores, Séniores e Veteranos, o que perfez um total de 208 atletas presentes, além de familiares e restante público, que, mesmo apesar da chuvada que se fez sentir momentos antes da partida, não arredaram pé, tendo o seu esforço e dedicação sido compensados com a ausência da mesma (a chuva), durante todo o restante tempo de prova.

No que toca ao Camp Regional de Estrada, pois essa foi a prova rainha do evento, o titulo em masculinos foi para JORGE MIRANDA, do CUABenaventense, com o tempo de 30'20'', enquanto o titulo feminino (6.000m) foi para a junior ALEXANDRA OLIVEIRA da UDR Zona Alta com 26'30''.

Quanto a este escriba/atleta, a prova foi aquilo a que me venho acostumando, sem grandes problemas, pese embora o facto de a prova ser em circuito, 3 voltas de 3.000m, subidas e descidas, mas ok, era igual para todos e, no fim, registei a marca de 47'13'', o que "deu" para ficar no 5º lugar do escalão.


A MINHA PROVA - 9.000 m
 
TEMPO OFICIAL:  47'13''

CLASS GERAL: 41º

CLASS VET B:


Vemo-nos em... Almograve.

terça-feira, 29 de maio de 2012

6ª CORRIDA AO FAROL


No passado domingo, dia 27de Maio, de manhã cedo, foi altura de rumar até à vila de Burinhosa, no concelho de Alcobaça, localidade onde se disputou a 6ª edição da Corrida ao Farol, prova que ligou esta povoação a S. Pedro de Moel, numa distância de 14.500m.

A prova, em linha, passou por várias estradas secundárias e por várias zonas de mata, onde num percurso bastante exigente, as sombras aí existentes foram uma benção, para terminar junto ao imponente farol do Penedo da Saudade, em S. Pedro de Moel, bem junto ao areal e ao mar, onde se fazia sentir uma ligeira brisa.

A prova foi ganha por atletas do CCDAlvitejo, tendo no sector masculino triunfado JOÃO VAZ, com o tempo de 47'41'', enquanto a sua colega de equipa ANA MARGARIDA fez 58'31''.

Quanto à minha prova, correu dentro do esperado, embora estivesse a prever que o tempo final fosse um pouco menos que o que se veio a verificar, mas nenhum dia nem nenhuma prova é igual a outro e a outra, por isso embora não tenha feito o "minimo", ainda assim não foi mau de todo.
Uma palavra de agradecimento e amizade para o VITOR FERREIRA (ele sabe quem é), que me rebocou até meio da prova, sendo um óptimo companheiro para qualquer tipo de percurso, ficando a promessa que para a próxima o acompanho até ao fim.


A MINHA PROVA - 14.500 m

TEMPO OFICIAL:  1H16'13''

CLASS GERAL: 214º

CLASS VET M50: 34º


Vemo-nos em... Torres Novas.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

2ª MILHA URBANA CIDADE DE OURÉM



A cidade de Ourém recebeu no passado sábado, 26 de Maio, pelas 17H00, a II Milha Urbana "Cidade de Ourém", uma iniciativa do Municipio de Ourém e da OurémViva, que contou com o apoio do GAFátima e da AASantarém.

Todas as provas tiveram partida e chegada no largo fronteiro à Câmara Municipal, tendo comportado provas para todos os escalõers etários, facto que originou uma boa moldura humana, pois aproveitando uma tarde com bom tempo, compareceram muitos clubes da região, o que deu um colorido diferente à localidade, tendo como vencedor masculino NUNO LOPES da JUFornos, com o tempo de 4'19'' e no sector feminino JOANA CORREIA da ADRAguas Belas com 5'49''.

A minha prova correu dentro do esperado (podia ter corrido um pouco melhor), pese o facto de se tratar de uma milha, logo uma prova bastante rápida, num percurso também ele propício a grandes andamentos, mas mesmo assim não vim de Ourém desanimado.


A MINHA PROVA - 1.609 m 

TEMPO OFICIAL: 06'53''

CLASS GERAL:  13º

CLASS VET II:

Vemo-nos em... Burinhosa.

quinta-feira, 17 de maio de 2012

5º G.P. DA ESPIGA


Hoje, quinta-feira 17 de Maio, quinta feira da espiga, feriado municipal um pouco por todo o país, e também na Azambuja, decorreu em Casais da Lagoa, o 5º GP da Espiga, prova organizada pela ADCCL, colectividade local, que numa prova de carolice, continua a realizar anualmente este Grande Prémio, prova que insere corridas para todos os escalões etários.

Por se tratar de uma pequena aldeia rural, por ser quinta-feira, não compareceu muita gente, ao contrário do que a prova merece, mas mesmo assim estava uma razoável moldura, tanto de atletas como de acompanhantes e público que não quiz deixar de estar presente em mais uma jornada desportiva.

A prova principal, para Juniores, Séniores e Veteranos, teve partida cerca das 11H00, para se efectuar um percurso em circuito, com 5 voltas, perfazendo um total de 8.500m, teve como vencedor absoluto JOÃO PAIS, do Boavista do Pico, com a marca de 29'11'', um veterano que dominou a seu belo prazer esta corrida.

Quanto à minha prestação, fiz esta corrida com algum receio, pois toda a semana estive numa situação complicada, com "tonturas e suores" (uma mistura explosiva), e embora nao me tenha sentido "normal", completei o percurso com uma marca não muito boa, mas foi o que se conseguiu fazer. Valeu o companheirismo e palavras de incentivo de alguns ATLETAS, aos quais agradeço sinceramente o apoio psicológico prestado.OBRIGADO.


A MINHA PROVA - 8.500 m
TEMPO OFICIAL: 40'52''
CLASS GERAL: 19º
CLASS VET M50:
Vemo-nos em... Porto de Mós.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

9ª DUPLA LÉGUA DE ARROUQUELAS


Na manhã de ontem, 06Mai12, em Arrouquelas, pequena localidade, freguesia do concelho de Rio Maior, correu-se a nona edição da dupla légua com o nome da freguesia, numa manhã inicialmente tímida no que ao clima diz respeito, pois se de manhã anunciava chuva, o que se veio a verificar foi um bom dia, com sol a brilhar e até algum calor durante a prova principal.

Foi uma prova pequena, de freguesia, prova esta que encerrou o 24º Torneio das Freguesias de Rio Maior, em atletismo, mas mesmo assim bastante participada, tanto nos escalões mais jovens como na prova principal, de 10.000m, bem medidos (por quem percebe mesmo do assunto), que terminou com um belo caldo verde e mais alguns acepipes (a jeito de lanche) para todos os participantes e acompanhantes, sem qualquer custo incluido.

Esta dupla légua teve como vencedor masculino o conhecido (e amigo pessoal) JOSÉ MADURO do Maduro Athletics com o tempo de 32'14'', que fez toda a prova sozinho, impondo o ritmo a seu belo prazer, enquanto no sector feminino a vitória foi para ANA VIEIRA da CBAbrantes com 46'04''.

Quanto à minha prova, correu dentro do habitual, e embora a prova fosse em circuito com uma volta pequena e três grandes e se tivesse que enfrentar por quatro vezes uma subida prolongada e nada fácil, corri sempre a um ritmo constante, não sentindo cansaço nenhum nas ditas subidas, o que fez com que tivesse chegado ao final "sereno" e com uma boa indicação de trabalho bem feito e confiante (tão confiante que ofereci o 10º lugar e respectiva medalha a um amigo do Alvitejo, e não me senti mal por isso).

 
A MINHA PROVA
 
TEMPO OFICIAL: 49'50''
 
CLASS GERAL: 45º
 
CLASS VET II: 11º
 
 
Vemo-nos em... Barreira.